Enlaces e desenlaces na clínica das psicoses: Três fragmentos de amor erotômano

  • Andréa Franco Milagres
Palavras-chave: Erotomania, solução subjetiva, postulado fundamental

Resumo

O trabalho aborda a particularidade do enlaçamento com o Outro na erotomania, tomando como referência dois fragmentos clínicos e um recorte do fi lme “Bem-me-quer, mal-me-quer”. Partiremos das elaborações de Freud em 1911, sobre a gramática da erotomania no caso Schreber, passando pela lógica e o postulado fundamental proposto por Clérambault em 1921. Ainda que se possa pensar a erotomania como uma solução subjetiva, é preciso considerar as estreitas margens da manobra analítica na medida em que a certeza de ser amado pelo Outro coloca o analista em difi culdades, quando ele aí é enlaçado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Andréa Franco Milagres

Membro da Escola de Psicanálise dos Fóruns do Campo Lacaniano-Brasil, FCL Belo Horizonte, membro de Escola. Mestre em psicologia pela UFMG, Professora da PUC Minas, coordenadora da Residência Multiprofissional em Saúde de Betim/PUC Minas, coordenadora adjunta do NUPSI-Clínica Escola do curso de Psicologia da PUC Betim.

Referências

FREUD, S. (1911). “Notas psicanalíticas sobre um relato autobiográfico de um caso
de paranoia (dementia paranoides). Artigos sobre técnica (Tradução sob a direção
de Jaime Salomão) In: Edição Standard Brasileira das Obras Psicológicas
Completas de Sigmund Freud, vol. XII. Rio de Janeiro: Imago, 1987, pp. 15-108.
CLÉRAMBAULT, G. “Os delírios passionais: erotomania, reivindicação, ciúmes”.
Tradução de Alain François com revisão técnica de Mário Eduardo Costa Pereira.
Revista Latino-americana de Psicopatologia Fundamental. São Paulo,
vol. 2. n.1, mar 1999. Disponível em uploads/files/revistas/volume02/n1/os_delirios_passionais.pdf> (Acesso em:
10/02/2016).
LACAN, J. (1954-55). O seminário, livro 3: As psicoses. Tradução de Vera Ribeiro.
Rio de Janeiro, Zahar, 1986, 380p.
PEREIRA, M. E. C. O “automatismo mental e a ‘erotomania’, segundo Clérambault”.
Revista Latino-americana de Psicopatologia Fundamental. São Paulo,
vol. 2. n.1, mar 1999. Disponível em org/uploads/files/revistas/volume02/n1/o_automatismo_mental_e_a_erotomania.
pdf> (Acesso em: 10/02/2016).
SOLER, C. (2007a). “Estrutura e função dos fenômenos erotomaníacos da psicose”
In: O inconsciente a céu aberto da psicose. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed.,
2007, 264p.
_________. (2007b). “O trabalho da psicose” In: O inconsciente a céu aberto da
psicose. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2007, 264p.
BEM ME QUER, MAL ME QUER. (2002). Art Filmes distribuidor. Dirigido por
Laetitia Colombani. Com Audrey Tatou e Samuel Le Bihan.
Publicado
2016-06-23
Como Citar
Milagres, A. F. (2016). Enlaces e desenlaces na clínica das psicoses: Três fragmentos de amor erotômano. Revista De Psicanálise Stylus, (32), pp. 79-87. https://doi.org/10.31683/stylus.vi32.623
Seção
ESTRUTURAS CLÍNICAS: LAÇOS E DESENLACES