Desenlace da transferência

  • Bernard Nominé
Palavras-chave: Transferência, equívoco do sujeito suposto saber, cartel do passe, saber como invenção, transferência de trabalho, Escola

Resumo

Trata-se, neste texto, de considerar a forma como a transferência pode se denodar no fim de um discurso analítico. A experiência do cartel do passe tendo produzido a nomeação de AE nos leva a examinar as consequências do equívoco do sujeito suposto saber. Chegando a essa constatação do equívoco do sujeito suposto saber, o analisando não pode mais contar senão consigo mesmo para elaborar aquilo que não pode se apreender de um outro, mas que só pode se inventar. É assim que a psicanálise pode ser transmitida. Ademais, este texto revisa outra via do desenlace da transferência, a via da transferência de trabalho, o que implica certa concepção da Escola.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bernard Nominé

Psiquiatra, ex-residente dos Hôpitaux Psychiatriques. Psicanalista, AME da Escola de Psicanálise dos Fóruns do Campo Lacaniano, da qual é um dos membros fundadores. Ensinante no Collège de Clinique Psychanalytique du Sud-Ouest (França) e ensinante convidado em diversas formações clínicas do Campo Lacaniano na Europa, América do Sul e Austrália.

Referências

Sem referências.
Publicado
2016-06-23
Como Citar
Nominé, B. (2016). Desenlace da transferência. Revista De Psicanálise Stylus, (32), pp. 37-45. https://doi.org/10.31683/stylus.vi32.618
Seção
DIREÇÃO DO TRATAMENTO